fbpx

Entenda como funciona a trava bancária e saiba se ela é boa para o seu negócio.

Entenda como funciona a trava bancária e saiba se ela é boa para o seu negócio.

Se você tem o seu próprio negócio, certamente tem um plano de crescimento e o desejo de que o seu investimento prospere. Para colocar isso em prática, no entanto, é preciso de um detalhe: dinheiro. Caso seu negócio ainda não esteja consolidado, a curto prazo a solução pode ser optar por operações de crédito.

Pequenos e microempresários têm a opção de fazer empréstimos e financiamentos para alavancarem seus negócios, ainda mais agora durante a pandemia. Para isso, no entanto, as instituições financeiras precisam ter alguma garantia, não é mesmo? Uma possibilidade é a credora reter certa quantia da empresa que fez o empréstimo, que serve como uma forma de amortizar a dívida em caso de inadimplência. 

Denominada trava bancária, garantia é uma ferramenta criada pelo Banco Central para notificar o mercado que recebíveis estão ocupados para novas transações. Ainda está difícil de entender? 

Calma, que a RedeFlex te explica. 

Suponhamos que você, enquanto empreendedor, tenha R$ 20 mil para receber do mês referentes às suas vendas no crédito ou no débito. No entanto, decidiu pedir um empréstimo no valor de R$ 10 mil. Então, parte de seus recebíveis ficarão retidos como garantia das credoras. 

A informação sobre a transação circula entre as instituições financeiras por meio do Banco Central. Assim, o empreendedor não consegue oferecer a mesma garantia em duas credoras diferentes. De forma simplificada, essa é a denominada trava bancária. 

Vantagens da trava bancária

Por meio dessa modalidade, existe a possibilidade maior da aprovação de crédito. Isso porque a operação é garantida pelos recebíveis futuros e, assim, o risco é menor para a instituição financeira. Credoras, podem, então, conceder o crédito a mais clientes sem sair em desvantagem. 

No mesmo sentido, por esse mesmo motivo pequeno e microempreendedores que ainda não consolidaram seus negócios têm mais chances de ter seus empréstimos e operações de créditos aprovados. 

Outras soluções

Esse já foi tema de outro artigo no nosso blog. Registro de recebíveis foi criado pelo Banco Central com o intuito de promover mais transparência e mais segurança no segmento do mercado de crédito. Com ele, todas as operações de créditos realizadas pelas empresas serão registradas em credenciadoras e subcredenciadoras. 

Entre as vantagens, estão melhores condições de crédito e mais liberdade para empresários impulsionarem seus negócios. Para saber mais, leia aqui.

Posts Relacionados
Comentar

Your email address will not be published.Required fields are marked *